bird
image
image
1 2 3  

 

Vereadores Legislatura 2017/2020

JOSÉ MARIA PEREIA DA CRUZ - PT

Presidente Atual

   

 

Próxima Sessão

28 de novembro a partir das 19hs



LINKS ÚTEIS

Prefeitura Municipal
Governo Federal
Governo Estadual
Multas de Trânsitos
Legislação Federal
Legislação Estadual
Receita Federal
Secretaria da Fazenda
Tribunal de Contas do Estado
Senado Federal


 
 

Plano Municipal de Educação

 

Vereadores aprovam abertura de Comissão Processante para investigar vereador

          A sessão da Câmara de Vereadores de Guapiara foi polêmica na noite de terça-feira, 24/10.
          Os vereadores aprovaram por unanimidade a abertura de Comissão Processante (CP) para investigar a conduta do vereador, acusado de enviar “nudes” para duas mulheres do banheiro da Câmara Municipal.
          O processo teve início após um morador protocolar denúncia contra o vereador João Egidio Mendonça Teixeira (PSD) na segunda-feira, dia 23/10.
          Participaram da votação nove vereadores e todos foram a favor da investigação. Após a votação, ficou definido que o vereador Orlando Luiz de Oliveira (PTB) será o presidente da comissão, o vereador José Pereira da Cruz (PT) o relator e que o parlamentar Antônio Leite (PSDB) também fará parte da investigação.
          Segundo informações do presidente da Câmara, Alexandre Martins de Oliveira (PP), a CP tem três meses para investigar o caso e dar o parecer. Se o parecer for favorável, o caso voltará para o plenário para votação e o vereador poderá ter o mandato cassado.
          O parlamentar deverá apresentar sua defesa nos próximos 15 dias úteis.
          Segundo Oliveira, tudo indica que as fotos foram tiradas no prédio da Câmara, o que é contra a ética e deixou o Legislativo numa posição constrangedora.
          “As conversas do parlamentar com as mulheres, além das fotos, estão circulando nas redes sociais. Na primeira conversa o vereador aparece trocando fotos íntimas. Na segunda trocando informações íntimas. Tudo indica que as fotos foram tiradas no banheiro da Câmara, o que é contra o princípio ético da casa”, disse o presidente.
          Ainda segundo Alexandre, a Comissão de Ética e o Setor Jurídico se reuniram para discutir a conduta do vereador.

Situação complicada
          A situação de João Egídio Mendonça se complicou muito desde que o escândalo vazou.
          À reportagem d’O Expresso ele afirmou que continuará sustentando na sua defesa que é vítima de um golpe e as fotos foram montadas para denegrir sua imagem e extorqui-lo.
          “Vou me defender na Comissão Processante para manter meu mandato. Vou até as últimas conseqüências disso”, alegou o vereador.
          Em Guapiara o escândalo virou o principal assunto nos últimos dias.
          Se Mendonça perder o mandato será o primeiro caso envolvendo um vereador cassado por quebra de decoro parlamentar.

Fonte: Jornal o Expresso


 


Horário de Funcionamento: das 9:00h às 11:00h | das 13:00h às 17:00h